Links de Acesso

Fome na Somália mata 29 mil crianças em 90 dias

  • Paulo Faria

Fome na Somália mata 29 mil crianças em 90 dias

Fome na Somália mata 29 mil crianças em 90 dias

O Subcomité para as Relações Externas do Senado dos Estados Unidos efectuou quarta-feira uma audição para analisar formas de responder à pior seca e fome no Corno de África nos últimos 60 anos e que nos últimos três meses matou 29 mil crianças somalis.

O Subcomité para as Relações Externas do Senado dos Estados Unidos efectuou quarta-feira uma audição para analisar formas de responder à pior seca e fome no Corno de África nos últimos 60 anos e que nos últimos três meses matou 29 mil crianças somalis.

A Somália está no centro da crise de seca e de fome. As Nações Unidas anunciaram que mais de 12 milhões de pessoas no Corno de África estão a necessitar de ajuda alimentar e que foi declarada a fome em três novas áreas da Somália.

Nancy Lindborg trabalha para a Agência para o Desenvolvimento Internacional das Nações Unidas (USAID):

“Estimamos que nos últimos 90 dias tenham morrido 29 mil crianças somalis. Isto representa quase quatro por cento das crianças no sul da Somália.

Líderes de grupos de auxílio testemunharam na audição ser desesperadamente necessário mais dinheiro de entidades privadas e governamentais para ajuda alimentar e pediram ao presidente Barack Obama e à primeira-dama Michelle Obama para encorajar as pessoas a darem para aqueles em necessidade na Somália e outras partes do Corno de África.

Um dos grandes obstáculos em fornecer ajuda à Somália tem sido a acção violenta do grupo militante al-Shabab com ligações à al-Qaida que tem ditado quais os grupos de ajuda que são autorizados a fazê-lo e exigem um pagamento aos grupos que tentam enviar alimentos e água para os necessitados. Sessenta por cento dos necessitados na Somália estão em território controlado pelo al-Shabab.

Peter Pham do grupo de pesquisa Atlantic Council concorda com a ideia de que o al-Shabab é parcialmente responsável pela fome:

“Tenho informações de fontes nas últimas 24 horas de que em pelo menos três áreas da parte baixa de Shabelle, elementos do al-Shabab estão a utilizar a força ou a ameaçar as pessoas impedindo-as de deixar o território e procurar ajuda.”

O Departamento de Estado anunciou terça-feira de que estava a aliviar as sanções financeiras anti-terroristas contra o al-Shabab para aumentar o fluxo de ajuda humanitária.

O al-Shabab foi designado um grupo terrorista pelos Estados Unidos em 2008.

Entretanto, continuam a morrer de fome na Somália uma média de cerca de 30 crianças por dia.

XS
SM
MD
LG