Links de Acesso

Queda de helicóptero provoca um morto e 9 feridos em Malanje

  • Isaías Soares

Torre de controle do aeroporto de Malanje

Torre de controle do aeroporto de Malanje

As causas do acidente não foram reveladas pela tripulação

Uma pessoa morreu nove outras ficaram feridas esta manhã em Malanje, em consequência do despenhamento de um helicóptero da Força Aérea Nacional (FAN) que seguia viagem para o município de Marimba, a mais de 200 quilómetros a norte desta capital.

O acidente ocorreu no aeroporto local ocorreu momentos depois do aparelho do tipo M-17 ter deixado o solo. As causas não foram reveladas pela tripulação.

Além da equipa técnica da aeronave estavam abordo funcionários de uma empresa de construção civil e da telefónica móvel Unitel.

Helicóptero MI-17 da Força Aérea de Angola (foto de arquivo)

Helicóptero MI-17 da Força Aérea de Angola (foto de arquivo)

Os sobreviventes disseram que a acção foi efémera, mas antes foi notada alguma tempestade.

“O helicóptero estava a preparar-se para levantar, havia muita ventania inicialmente, pouco tempo depois que nós estávamos no ar, ele fez uma manobra, senti que era uma manobra um bocado brusca e de repente quando dei conta já estávamos no chão”.

O momento foi igualmente registado por outro ileso, que segundo ele depois de ter apanhado a pista e descolado “havia muita ventania, só sentimos a aeronave a estremecer muito mesmo, de repente o helicóptero começou a rebolar e já estávamos no chão”, concluiu.

O estado clínico dos pacientes que deram entrada no banco de urgência de cirurgia e ortopedia de Malanje não é grave, segundo responsável da secção Celestino Munsanse em declarações a rádio pública.

“Porque conseguimos atender e, só que infelizmente chegou um já não tinha vida, tinha acabado de falecer no sítio do acidente”, garantiu o enfermeiro, alegando que não se registou qualquer fractura, apenas escoriações.

Edifício do terminal do aeroporto de Malanje

Edifício do terminal do aeroporto de Malanje

O helicóptero da Força Aérea Nacional transportava inertes e outros materiais de construção que seriam usados na construção de duas residências para quadros da administração municipal de Marimba e para a implantação do sinal da Unitel.

Até ao momento que enviávamos este despacho não havia qualquer informação oficial sobre as razões que levaram a queda do aparelho e o estado dos membros da tripulação, cujo nome do comandante não foi revelado.

XS
SM
MD
LG