Links de Acesso

Embaixador sírio no Iraque junta-se aos opositores


Tanques perseguindo rebeldes sirios

Tanques perseguindo rebeldes sirios

O embaixador da Síria no Iraque desertou e juntou-se à oposição que combate o regime do presidente Bashar al-Assad.

Embaixador sírio no Iraque junta-se aos opositores

O embaixador da Síria no Iraque desertou e juntou-se à oposição que combate o regime do presidente Bashar al-Assad.

Num comunicado transmitido pela rede de televisão de língua árabe al-Jazeera, o embaixador Nawaf Fares, apelou aos membros das forças armadas sírias para se juntarem a ele, dizendo que não há honra em matar o seu próprio povo.

O embaixador dissidente sírio disse também que o governo tem usado o partido Ba’ath, no poder, como um instrumento para oprimir o povo sírio e as suas aspirações à liberdade e dignidade.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros da Síria disse hoje num comunicado que o embaixador Fares tinha sido removido das suas funções deixando de ter relações com o Ministério ou a Embaixada em Bagdade.

Fares é o mais alto funcionário sírio a abandonar o governo de Assad desde que um levantamento popular começou há 16 meses.

Quarta-feira em Genebra, diplomatas saíram claramente divididos de um encontro privado do Conselho de Segurança da ONU sobre os próximos passos do Conselho para acabar com a luta na Síria entre o governo e a oposição.

O enviado especial Kofi Annan fez um briefing via vídeo com os membros do Conselho de Segurança sobre a ronda de conversações que manteve no princípio da semana em Damasco, Teerão e Bagdade. Mais tarde, Annan disse a jornalistas que tinha aconselhado o Conselho a falar a uma voz, em vez de estar dividido, porque uma mensagem unificada é mais poderosa.

XS
SM
MD
LG