Links de Acesso

Moçambique tem que garantir estabilidade de preços - FMI


Entrada do FMI em Washington

Entrada do FMI em Washington

Benefícios do crescimento devem ser compartilhados "com justiça" por toda a população

O Fundo Monetário Internacional disse que manter a estabilidade de preços e conter a inflação deve ser a prioridade económica de Moçambique.

Num comunicado emitido sobre o fim das consultas regulares entre o FMI e Moçambique os directores executivos da organização saudaram as autoridades moçambicanas pelo que descreveram de “políticas prudentes que resultaram numa performance económica forte”.

O comunicado diz no entanto que embora as perspectivas a médio prazo sejam “favoráveis” há grandes desafios na administração de riscos macroeconómicos e em se assegurar que os benefícios do crescimento económico são compartilhados com justiça através da população.

Os directores, diz o comunicado, sublinharem que as prioridades chaves para o período vizinho são a garantir da estabilidade de preços e a contenção das expectativas de inflação.

O FMI diz a este respeito que apoia a intenção das autoridades em apertar as politicas fiscal e monetária para se conter e fazer cair a inflação.

A salientar que o comunicado revela que é intenção do governo acabar gradualmente com o subsídios dos combustíveis algo que o FMI apoia como parte de uma politica fiscal prudente com o objectivo de se manter a estabilidade macro económica e a sustentabilidade da divida.


XS
SM
MD
LG