Links de Acesso

Angola: Professores sobrecarregados em Malanje

  • Isaías Soares

Túmulo do rei Ngola Kiluanje e da rainha N´Jinga

Túmulo do rei Ngola Kiluanje e da rainha N´Jinga

Um professor lecciona quatro classes a 100 crianças nos períodos da manhã e da tarde.

No sector de Cabombo, município de Marimba, a mais de 210 quilómetros de Malanje, um professor lecciona quatro classes a 100 crianças nos períodos da manhã e da tarde.

Jorge João Ginga é o único docente desde o princípio do ano lectivo, na localidade onde é escasso o material didáctico, a aquisição é de responsabilidade dos pais ou encarregados de educação.

Em Cabombo não há estradas em condições e para atingir a sede municipal de Marimba são necessários dois dias de caminho, situação que obriga muitas crianças e adultos a abandonarem a escola.

As idades dos alunos variam entre os cinco aos 22 anos. A sanzala mais próxima é Ngunza Mudile, situada a uma hora de caminhada a pé, e, daí partem todos os dias úteis duas crianças para frequentarem a escola.

O sistema de aprendizagem corresponde às expectativas das discentes, apesar de viverem numa comunidade abaixo do nível da pobreza.

O presidente da Associação dos Naturais e Amigos de Marimba (ANA – Marimba), engenheiro Joaquim José Mango que esteve durante o final de semana no local onde estão sepultados os restos mortais do rei Ngola Kiluanje e da rainha N’Jinga Mbandi, disse que a organização vai intervir junto do governo para a solução dos principais problemas que afligem as populações locais.

Ouça a reportagem do Isaías Soares.

XS
SM
MD
LG