Links de Acesso

Congresso investiga fugas de informação de segurança nacional

  • Michael Bowman

Congressistas republicanos responsabilizam procurador-geral Eric Holder e exigem a sua demissão

Assuntos de segurança

Os Democratas no Congresso dos Estados Unidos e a administração Obama resistem aos apelos insistentes por parte dos Republicanos para a realização de um inquérito independente às fugas de informação relativas a assuntos de segurança nacional para os meios de informação.

O Procurador-Geral Eric Holder rejeitou os apelos para se demitir de funções.

Nos últimos meses os meios de comunicação americanos divulgaram informações detalhadas de actividades americanas cibernéticas contra o Irão, operações antiterrorismo com aparelhos não tripulados, e operações secretas americanas no Iémen.

Deputados das duas bancadas criticaram as fugas de informação secreta por comprometerem a segurança nacional.

O que fazer com uma questão que se transformou num tema partidário tendo o departamento da Justiça designado dois acusadores federais para procederem à investigação.

A decisão não satisfez os Republicanos como no caso do Senador do Arizona John McCain.

“Estamos perante uma violação muito grave da segurança nacional, que muitos consideram a mais grave da história recente. Torna-se por isso necessário a nomeação de procurador especial”.

Os Republicanos alegam que elementos da Casa Branca divulgaram as informações para reforçar a opinião pública e o índice de aprovação do presidente Barack Obama no domínio da segurança quando na corrida para a re eleição – colocando em risco a segurança nacional para tirar dividendos políticos.

Nestas circunstâncias, os Republicanos argumentam que as investigações devem ser retiradas do controlo do Departamento da Justiça.

Eric Holder testemunhou perante a Comissão Judicial do Senado, onde escutou repetidos apelos Republicanos no sentido da nomeação de um conselheiro especial para conduzir o inquérito.

Foi o caso do Senador Lindsey Graham da Carolina do Sul.

“O que estamos a pedir é que se encontre um advogado que todos nos possamos dizer que é a pessoa indicada para o caso”.

Graham acentuou mesmo que há anos atrás, como senadores Barack Obama e Joe Biden solicitaram investigações independentes para as falhas cometidas pela antiga administração Bush.

Eric Holder respondeu defendendo a integridade e o profissionalismo dos acusadores designados pelo Departamento da Justiça.

Os Democratas bloquearam no Senado uma moção solicitando um investigador especial, tendo o Senador Democrata Patrick Leahy pedido paciência.

Paciência é algo que falta no lado Republicano, particularmente para com o Procurador-Geral Eric Holder.

A Câmara dos Representantes liderada pelos Republicanos pondera apresentar um voto de desconfiança contra Holder por reter documentos solicitados pelos congressistas relacionados com um outro assunto.

XS
SM
MD
LG