Links de Acesso

Líder da Al Qaida morto na Somália


Líder da Al Qaida morto na Somália

Líder da Al Qaida morto na Somália

O líder da Al Qaida na África oriental foi morto durante um confronto com a polícia. Tinha em seu poder milhares de dólares e passaportes falsos

As autoridades somalis disseram que o homem que se pensa que é o líder da al qaida na África oriental foi morto durante um confronto com a polícia.

Fazul Abdullah Mohammed é tido como um dos organizadores dos ataques bombistas de 1998 contra as embaixadas americanas em Nairobi e Dar es Salaam que causaram centenas de mortos e feridos.

Os Estados Unidos tinham oferecido uma recompensa de cinco milhões de dólares pela sua captura.

Entidades oficiais na Somália disseram que Fazul Mohammed e outro suspeito terrorista foram mortos há vários dias num posto de controlo em Mogadishu.

O anuncio das suas mortes foi atrasado até se confirmar as suas identidades.

A policia disse que Fazul Mohammed tinha em seu poder vários milhares de dólares e vários documentos de identidade incluído um passaporte sul africano de origem suspeita.

Os rebeldes da Al Shabab reivindicaram entretanto responsabilidade pelo assassinato num ataque bombista suicida do ministro do interior.

Uma fonte oficial disse que Abdi Shakur Sheik Hassan foi morto em sua casa durante uma reunião com colaboradores. Várias outras pessoas ficaram feridas.

Entidades das forças de segurança e uma testemunha disseram que uma mulher que se pensa ser uma familiar de Hassan fez detonar explosivos que transportava dentro da casa

XS
SM
MD
LG