Links de Acesso

Angola: Crianças sem vacina anti-pólio em Malange

  • Isaías Soares

Gota milagrosa. Vacinação contra a polio

Gota milagrosa. Vacinação contra a polio

Vacinação atingiu mais de 200 mil crianças

A terceira fase da campanha de vacinação contra pólio em Angola que erminou no passsado dia 31 de Maio não atingiu toda província de Malange.

Mais de 220 mil e 400 crianças foram vacinadas na região de Malanje mas a aldeia do Quinge, na comuna do Cuale, município de Canlandula, a mais de 100 quilómetros desta capital, a água das chuvas que fizeram transbordar os riachos travou a actividade dos vacinadores.

A supervisora do Programa Alargado de Vacinação (PAV), Lúcia Chilombo
considerou no enanto de satisfatórios os resultados da recém-terminada campanha
de vacinação contra a poliomieltie confirmou haver progressos na
região Songo de Malanje.

A primeira fase e segunda fase da campanha de imunização contra a
paralisia infantil não aconteceram em algumas localidades inacesíveis
dos municípios de Kambundi-katembo e Luquembo, mas com a redução das
precipitações os vacinadores conseguiram efectuar vacinações.

“Estamos sempre com problemas naquela parte do Quinge" disse Chilombo.

"Conseguimos atingir algumas áreas onde na primeira e segunda fase não conseguimos
atingir, devido as enxurradas nas áreas de Kambundi-Katembo e do Luquembo," acrescentou.

Aquela responsavel local pela vacinação disse que as brigadas conseguiram atingir "uma das áreas que nem na primeira, nem na segunda não se vacinou totalmente" nomeadamente a de Kitapa.

Nesta terceira fase tinham sido vacinadas um total de 221.415 crianças.

Os dados da terceira fase da campanha ainda são provisórios. Ha receios que regiões fronteiriças com com a República Democrática do Congo a campanha não tenha tambem alcançado todas as crianças.



XS
SM
MD
LG