Links de Acesso

Guiné-Bissau: Famílias de vitimas da intentona de 2009 querem novo processo


Guiné-Bissau: Famílias de vitimas da intentona de 2009 querem novo processo

Guiné-Bissau: Famílias de vitimas da intentona de 2009 querem novo processo

Advogado das famílias das vitimas afirmou à VOA que terá provavelmente que ser aberto novo processo para responsabilizar implicados.

Na Guiné-Bissau, na sequência da decisão do Ministério Público de arquivar provisoriamente o processo relativo à alegada tentativa de golpe de Estado de 2009,um dos advogados das famílias das vitimas daqueles incidentes afirmou à VOA que provavelmente terá que ser aberto um novo processo para responsabilizar os implicados na operação.

Abdu Mané declarou que a decisão do Ministério Público guineense vem na realidade provar que houve uma intentona para eliminar as vitimas, o então candidato presidencial Baciro Dabó e Helder Proença , antigo ministro da defesa.

Em declarações à VOA, Addu Mané admitiu que se o actual processo for arquivado em definitivo poderá falar-se da abertura de um novo processo de modo a que os indivíduos enolvidos na operação sejam finalmente responsabilizados.

Ontem o Ministério Público guineense decidiu arquivar provisoriamente o processo relativo à alegada tentativa de golpe de Estado de 2009 alegando não ter havido indícios de uma insurreição porque os acusados não estavam em posição de levar a cabo qualquer acção desse género.

Se não houver recurso no prazo de oito dias, o processo será arquivado definitivamente.

Ouça a reportagem do correspondente da VOA em Bissau, Lassana Cassamá.

XS
SM
MD
LG