Links de Acesso

Concebida para pouco mais 40 mil pessoas a cidade tem actualmente milhão e meio de habitantes.

Lubango faz 89 anos

A cidade angolana do Lubango assinalou a 31 de Maio 89 anos desde que ascendeu a essa categoria.

Foi em 1923 que se começou a notar na antiga Sá da Bandeira, o aumento do comércio dos serviços e o desenvolvimento dos principais núcleos urbanos na região, e claro está, a chegada do caminho-de-ferro.

Concebida para pouco mais 40 mil habitantes Lubango regista actualmente cerca de milhão e meio de pessoas, crescimento demográfico contrastado pelo crescimento em infra-estruturas.

O fraco saneamento básico, problemas de estradas, fornecimento de luz e água, ausência de espaços verdes e de lazer, e a pobreza extrema da maioria, evidenciada pelas construções desordenadas na periferia são o rosto do Lubango actual.
Os munícipes comentam; “Lubango hoje em dia espelha grandes infra-estruturas relacionando com os tempos passado ”. A respeito do saneamento básico fica um pouco a desejar, porque a cidade de hoje não é há de dez anos, a questão do lixo a falta de recolha do lixo a falta de espaços verdes, está a haver uma desmatação, isso é visível a olho nu”.

Carlos Ribeiro conhece Lubango há mais de mais de vinte anos, defende hoje reformas profundas na cidade que ontem conheceu, sobretudo no que tange a estrada: “Lubango é uma via de cruzamento por exemplo os caminhos que atravessam a cidade que vêm do Namibe que vêm do Cunene que vão para Benguela que vão para o Huambo, é evidente que ao atravessar as vias da cidade Lubango vão provocar aqui um enorme engarrafamento até porque o Lubango tem só algumas ruas de canalização. Se Lubango tivesse uma via circular que permitisse que esses camiões não entrassem no centro da cidade de certeza que iria melhorar muito a circulação da cidade”.

O aniversário acontece um dia antes de ter sido apresentado o novo administrador municipal. Trata-se de Silvano Levy, a quem o governador, Isaac dos Anjos, confiou a gestão da capital da Huíla que observa um programa de requalificação.

Silvano Levy no acto de posse parco em palavras promete apenas trabalho; “Tudo que for trabalho terá de ser feito e cumprirmos com as obrigações do país. Tudo que for válido fazermos para as necessidades da população vai ser feito”.

O novo administrador municipal do Lubango é mestre em ambiente e ordenamento do território pela universidade de Coimbra.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG