Links de Acesso

Uíge: obras põem serviços judiciais na rua


Cidade do Uige

Cidade do Uige

São várias as pessoas que vêm de vários pontos da província, com objectivo de tratarem documentos no sector da identificação no Uíge e são atendidas ao relento devido às obras em curso de restauro do Palácio da Justiça.

Uíge:obras põem serviços judiciais na rua

São várias as pessoas que vêm de vários pontos da província, com
objectivo de tratarem documentos no sector da identificação no Uíge e
são atendidas ao relento devido às obras em curso de restauro do Palácio
da Justiça.

O delegado provincial da Justiça, Miguel Cutoca está preocupado com a
morosidade que se regista na execução das obras a cargo da empresa
portuguesa Laufer – Construções.

O responsável, falando à rádio Uíge, após a visita que efectuou ao
local das obras, disse notar lentidão na execução das obras, numa
altura em que a população e os funcionários aguardam com urgência a
conclusão da reparação do edifício, atendendo às condições a que estão
submetidos.

“Como devem calcular os nossos colegas da Conservatória, da Identificação e mesmo do Notário trabalham em momentos extraordinariamente difíceis. A população exige aos nossos serviços o atendimento correcto, agora apanham muito sol e isso é uma preocupação para mim, afinal sou o responsável na província.”

O engenheiro das obras, Rui Pedro Magalhães, da referida empresa disse
que a não aceleração das obras deve-se ao facto, das alterações
registadas na parte da arquitectura e trabalhos adicionais.

“Tivemos alterações e trabalhos não previstos que, de certa forma, influenciam e tem uma implicação no prazo. Como haverá uma adenda a esse contrato por trabalhos não previstos e adicionais, teremos também que justificar e assumir que há uma implicação desses trabalhos não previstos e adicionais no prazo.”

XS
SM
MD
LG