Links de Acesso

CPLP: "É preciso garantir integridade física dos guineenses sob custódia"


O secretário executivo da CPLP exortou todos os intervenientes a impedirem mais práticas violentas na Guiné-Bissau.

O secretário executivo da CPLP, Domingos Simões Pereira, lamentou numa entrevista à "RDP-África" que se continue a procurar “por vias violentas e antidemocráticas dirimir as diferenças de opinião na Guiné-Bissau”.

Simões Pereira exortou também todos os intervenientes a impedirem mais práticas violentas.

Para o secretário-geral da CPLP, ele próprio um cidadão guineense, “ é preciso garantir a integridade física das pessoas que se encontram sob custódia”.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG