Links de Acesso

Os dois candidatos à liderança da autarquia de Inhambane saíram a rua

  • William Mapote

Daviz Simango

Daviz Simango

Pedindo o voto porta-a-porta, deixando promessas de mais emprego

Pelo terceiro dia consecutivo, os dois candidatos à liderança da autarquia de Inhambane saíram a rua para fazer a caça ao voto a seu favor, nas eleições intercalares de 18 de Abril.

De camisa verde às riscas, que tem sido a sua indumentária de marca, Fernando Nhaca, professor de profissão e candidato do MDM, voltou a privilegiar contactos interpessoais, percorrendo a pé, os bairros de Inhambane, pedindo voto porta-a-porta, deixando promessas de mais emprego e melhores condições sociais para o município.

A campanha do MDM está a ser reforçada pela presença do líder do partido, Daviz Simango e Manuel Araújo, presidente do município de Quelimane, que quer que os jovens da chamada terra da boa gente, sigam o exemplo da sua autarquia, onde a vontade fez a mudança.

De T-shirt com emblema e cores da Frelimo, Benedito Guimino, também professor de carreira, continuou a privilegiar contactos interpessoais, para o seu apelo a voto.

O terceiro dia de campanha do candidato da Frelimo destacou-se com uma visita a sede da Associação dos Médicos Tradicionais, Ametramo.

De forma humilde e se expressando em Bitonga, a língua predominante em Inhambane, Guimino pediu aos curandeiros que intercedessem, através da sua evocação, para a sua vitória a 18 de Abril, prometendo dar continuidade ao trabalho já iniciado pelo seu antecessor, por forma a melhorar a vida daquele município.

Amanhã, quarto dia da campanha, os candidatos prometem sessões mais curtas e leves, em respeito á sexta-feira santa, para os cristãos, predominantes em Inhambane, devendo voltar com acções mais intensas durante o final de semana.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG