Links de Acesso

Movimento das Lundas queixa-se a instâncias internacionais


Minda de dimantes em Catoca

Minda de dimantes em Catoca

Dirigentes tradicionais presos após visita de Eduardo dos Santos continuam detidos

A Comissão do Protectorado da Lunda que reivindica autonomia da região apresentou uma queixa contra o governo angolano em instâncias internacionais, disse o presidente do movimento José Mateus Zecamutchima.

Numa entrevista á Voz da América, Zecamutchima disse que processo é "abrangente" visando em primeiro lugar " a defesa e protecção de todos os nossos membros", bemo como a questão de vários activistas que estão presos e ainda "a questão geral da autonomia das lundas".

Os processos foram entregues a tribunais internacionais e ainda á ONU e União Africana.

Na sua entrevista o presidente do movimento disse que activistas que já cumpriram penas de prisão a que foram condenados continuam presos em violação da lei.

Josè Mateus Zecamutchima confirmou também a detenção de varios lideres tradicionais das lundas na sequencência da visita do Presidente José Eduardo dos Santos á região.

Oçua a entrevista carregando na barra zul no topo

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG