Links de Acesso

Moçambique: Polícia nega perseguir Renamo em Nampula

  • Faizal Ibramugy

O porta-voz da polícia em Nampula, Inácio João Dina

O porta-voz da polícia em Nampula, Inácio João Dina

Apelo á vigilância em redor das sedes do partido

A Polícia da Republica de Moçambique, lançou um apelo à população de Nampula, especialmente aquela que reside nas proximidades de Delegação da Renamo e da residência de Afonso Dhlakama, no sentido de denunciar qualquer irregularidade de intranquilidade naqueles locais.

É que de acordo com a polícia, depois dos confrontos havidos no último dia 8 de Março corrente com ex-guerilheiros da Renamo, a maior parte destes refugiaram-se na residência do seu líder, onde dias depois, uma parte foi evacuada para a delegação provincial.

Contudo, questionado se a policia foi notificado sobre qualquer irregularidade perpetrada pelas antigas tropas de Afonso Dhlakama, a fonte disse que neste momento o ambiente é são.

Aliás, de acordo com o porta voz da polícia João Inácio Dina, nesta terça-feira um grupo de agentes da policia que esteve a vigiar a zona onde se encontra localizada a delegação da Renamo, chegou a interagir normalmente com os ex-guerrilheiros, o que revela uma mudança de mentalidade.

Porém, diz a polícia, todo cuidado é pouco. O apelo da policia é no sentido de os moradores destes dois locais, manterem-se atentos e denunciar logo que algo estranho aconteça.

“Não estamos contra uma concentração política e nem o desenho de estratégias políticas. O que defendemos é que isso aconteça num ambiente tranquilo”, disse o porta-voz da policia em Nampula, para quem neste momento a situação esta bem controlada.

XS
SM
MD
LG