Links de Acesso

Manuel Marques Araújo conduz processo eleitoral no namibe

  • Armando Chicoca

Suzana Inglês, presidente da comissão eleitoral angolana

Suzana Inglês, presidente da comissão eleitoral angolana

"Arregaçar as mangas para corresponder às exigências do processoi eleitoral"

“Primeiro o trabalho e só depois discursos bonitos e majestosos”, linha de força do novo presidente da comissão provincial eleitoral.

Chama-se Manuel Marques Araújo, Juiz de direito do tribunal Provincial do Namibe que por inerências de funções na CPE, congelou o seu exercício de magistrado judicial.

Durante o acto de entrega de pastas ao novo inquilino da CPE, que teve na Sede da Comissão Provincial eleitoral, o Presidente cessante, António Guilherme Baptista, pediu desculpas por qualquer eventual deslize que tenha acontecido de forma despercebido durante o seu consulado.

O Juiz Manuel Marques Araújo, nas vestes do novo presidente da CPE, espera encontrar uma equipa responsável, capaz de corresponder a ansiedade dos políticos e da população neste processo. Para ele, primeiro é o trabalho e só depois, os discursos bonitos e majestosos.

De Luanda veio Alfredo Graça, da CNE, testemunhar a entrega de pastas ao novo inquilino da CPE.

“O tempo está contra nós, a partir de agora, o presidente Manuel Araújo já com as pastas nas mãos deverá arregaçar as mangas para corresponder com as exigências que se impõem”, disse.

Realçou que muitos se fazem estar connosco, mas que na prática estão mais fora que cá dentro.

«Estamos engajados nos trabalhos da CNE, devemos nos compenetrar de que o nosso trabalho é extraordinariamente sensível, é um trabalho que muita gente as vezes finge que está connosco, mas está a puxar a brasa para o outro lado, para que o trabalho não decorra bem», lamentou que não é isso que o país precisa.

Afirmou que a nação precisa que as eleições se realizem de forma exitosa e credível, com o espírito e letra da isenção, de modos que possam ser reconhecidas quer a nível interno, quer a nível internacional.

«A partir desta altura em que o Dr. Manuel Araújo tem as pastas na mão, deve dedicar a atenção toda ao trabalho da CNE, o tempo é nos ingrato, temos apenas 4 meses de preparação pela frente» frisou, o enviado de Suzana Inglês ao Namibe.

A Voz da América soube que os constrangimentos resultantes da polémica à volta do nome de Suzana Inglês, à frente dos destinos da CNE, levou à retaliação dos partidos políticos na oposição, através de um instrutivo que os seus comissários eleitorais nas províncias a não aderir ao acto de empossamento, que se presume a acontecer nos próximos dias, com esta cerimónia de entrega de pastas ao novo Presidente da CPE, no Namibe.

XS
SM
MD
LG