Links de Acesso

Moçambique: Barco espanhol multado em mais de um milhão de dólares

  • Simião Pongoane

Barco tinha a bordo mais de uma tonelada de atum alegadamente capturado em águas moçambicanas

Um navio espanhol foi condenado a pagar mais de1.200.000 dólares por pesca ilegal nas águas moçambicanas.

O barco está retido no porto de Nacala com 1.200 Quilos de atum.

Foram também encontradas armas de guerra a bordo mas as autoridades moçambicanas disseram que essas armas se destinavam a defender a embarcação contra possveis ataques de piratas na zona.

O director nacional de fiscalização de pescas, Manuel Castiano, disse que a pesca ilegal tinha sido "visualizada através do sistema de controlo de satélite".

Depois dessa visualização as autoridades tinham dado ordens para que o barco "em 24 horas demandasse ao porto de Nacala para posteriores investigações".

"Essas investigações foram feitas na Sexta-feira e nesse mesmo dia foi decidido aplicar uma multa de 34.000.300 meticais," disse .

As autoridades moçambicanas tinham também informado as autoridades espanholas da sua decisão conforme requerido pelas leis internacionais.

"Moçambique convidou a Espanha a participar nas investigações," acrescentou.

Segundo o Ministério das Pescas, o comandante do barco disse que a embarcação estava a perseguir cardumes de atum a partir das águas territoriais malgaxes, até ao lado moçambicano.

Madagascar confirma que em algum momento o barco espanhol andou pelas suas águas territoriais, mas não pode confirmar a alegada perseguição de cardume de atum.

Manuel Castiano disse que o produto da pesca ilegal não poderá ser vendido, mesmo depois do pagamento da multa, porque o mercado tem regras para não comercializar produtos roubados.

A empresa espanhola propietária do navio já entrou em contacto com as autoridades moçambicanas " no sentido de como pode resolver a questão, pagando ou prestando uma garantia bancária equivalente ao valor da multa," disse Manuel Castiano.

Ha três anos um outro barco espanhol apreendido pelas autoridades reverteu a favor do estado moçambicano porque os seus propietários não pagaram a multa de quatro milhões de dólares.

Moçambique perde cerca de 64 milhões de dólares norte-americanos por ano devido à pesca ilegal.

Embarcações com bandeira da Espanha são consideradas aquelas que mais se envolvem em pesca ilegal em Moçambique..

XS
SM
MD
LG