Links de Acesso

Cunene: Mil pessoas desalojadas pelas cheias

  • Faustino Diogo

Cunene: Mil pessoas desalojadas pelas cheias

Cunene: Mil pessoas desalojadas pelas cheias

Ainda há sinistrados das inundações de 2008 a viver em tendas

As chuvas continuam a assolar a zona sul do país. A provincia do Cunene foi a mais recente vítima com os rios a transbordarem e a provocarem mais de 1000 desalojados.

Ontem mais de 100 famílias que estavam sitiadas na região do Xangongo foram resgatadas pela protecção civil, segundo o seu coordenador Joaquim António.

António disse que as autoridades estão a tentar criar centros de acolhimentos e entregar assistência alimentar aos desalojados.

Todos os anos o cenário repete-se no Cunene criando dificuldades no realojamento destas populações, o que faz com que ainda existam sinistrados de 2008 a viver em tendas.

O coordenador da protecção civil afirma que esses desalojados estão a receber assistência, mas sublinha que cabe aos municípios e governos provincial e nacional dar solução definitiva à situação daquelas pessoas.

Devido às cheias na região, os trabalhos de desminagem na província estão paralisados.

XS
SM
MD
LG