Links de Acesso

Uíge: Polícia investiga ataque contra chineses

  • Uíge

Meliantes assaltaram à mão armada as instalações do estaleiro onde vivem mais de 35 chineses.

As autoridades da ordem e segurança pública na província angolana do Uíge estão a investigar o caso de disparos de tiros feitos na calada da noite contra o estaleiro da empresa chinesa "JOBEFIL" tendo provocado ferimentos em catorze cidadãos daquela nacionalidade.

O incidente verificou-se quando os meliantes assaltaram à mão armada as instalações do estaleiro onde vivem mais de 35 chineses da referida empresa, encarregada na construção da universidade Kimpa Vita nos arredores do município do Uíge.

António Nguindo encarregado dos trabalhadores angolanos contratados pela empresa, informou que depois da saída dos funcionários angolanos do local, os assaltantes invadiram o estaleiro levando consigo duas malas onde continha valores monetários e deixando no terreno 14 feridos.

A enfermeira de serviço no hospital provincial do Uíge contactada pela “Voz da América” explicou que entre os atingidos a maior parte já tiveram alta. Os restantes recebem cuidados intensivos mas já se encontram fora de perigo.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG