Links de Acesso

Renamo confirma ter na sua posse um membro da Frelimo

  • Faizal Ibramugy

António Nihora, porta-voz da Renamo em Nampula

António Nihora, porta-voz da Renamo em Nampula

A Renamo na província de Nampula, confirmou quarta-feira à Voz da América ter sob sua custódia um indivíduo de 46 anos, membro do partido no poder que a sensivelmente um mês fora mandatado a fim de espionar as antigas tropas de Afonso Dhlakama.

A Renamo na província de Nampula, confirmou quarta-feira à Voz da América ter sob sua custódia um indivíduo de 46 anos, membro do partido no poder que a sensivelmente um mês fora mandatado a fim de espionar as antigas tropas de Afonso Dhlakama.
A Renamo desmente que o referido cidadão, que é igualmente secretário de bairro, tenha sido detido por ex-guerilheiros, porque segundo soube a nossa reportagem, este terá chegado ao local que se encontra até hoje, como informante do partido Frelimo, mas que a dada altura acabou decidindo permanecer, temendo represálias no partido dos camaradas, uma vez que, não conseguindo recolher informações necessária, corria fortes riscos de ser morto.
O porta-voz da Renamo em Nampula, António Nihora, diz que o cidadão em alusão encontra-se saudável, bem alimentado, estando até a fornecer boas pistas e informações ao partido Renamo.
Contudo e curiosamente, António Nihora, não permitiu um contacto directo, entre a nossa reportagem e o referido informante.
Entretanto, o Fórum da Sociedade Civil na província de Nampula procurou a nossa reportagem na cidade de Nampula para repudiar aquilo que apelidou de escândalos que estão a ser protagonizados pelos ex-guerilheiros, principalmente ao longo da Rua dos Sem Medo e no Posto Administrativo de Muatala, onde se localiza a delegação da Renamo.
O coordenador do Fórum da Sociedade Civil em Nampula, Issufo Issufo disse que em coordenação com as demais confissões religiosas representadas na província de Nampula, terá tentado, mas sem sucesso, chegar a uma conversa com o líder da Renamo Afonso Dhlakama, uma vez que em todas as vezes, os seus guardas não permitiram esse contacto.
A sociedade civil em Nampula diz que para além de praticar escaramuças, os ex-guerilheiros estão sujeitas a doenças, o que preocupa sobremaneira a grupo liderado por Issufo Issufo.
Entretanto, alguns órgãos moçambicanos, noticiaram hoje a morte por diarreia de três ex-guerilheiros da Renamo na cidade de Nampula, informação que ficou classificada por António Nihora, na exclusiva com a VOA, como sendo uma verdadeira mentira. Nihora diz que o grupo continua firme e saudável. Aliás a Renamo em Nampula, promete convocar para breve uma conferencia de Imprensa, onde será anunciada entre outras coisas, as datas do inicio das propaladas manifestações populares para retirar a Frelimo do poder.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG