Links de Acesso

Moçambique: Ciclone Irina atinge a costa sul no sábado

  • Francisco Júnior

Irina, fotografado pelos satélites da NASA sobre o Canal de Moçambique

Irina, fotografado pelos satélites da NASA sobre o Canal de Moçambique

Com previsões de rajadas de vento de 130 Km/hora, esta tempestade tropical afectará as três provincias do sul incluindo a capital Maputo

A tempestade tropical Irina deverá atingir as províncias do sul Moçambique amanhã nas primeiras horas do dia, de acordo com a última actualização do Instituto de Meteorologia moçambicano.

O ciclone que por esta altura atravessa o Canal de Moçambique a uma velocidade de 90 Km/h deverá atingir inicialmente a província de Inhambane no sul e o distrito da Zavala entre as 8 e as 14 horas locais e com ventos superiores a 130 km/hora.

De acordo com os meteorologistas esta tempestade formada no Sábado passado no Oceano Índico, próximo das Seychelles, atravessou o Madagáscar durante o fim-de-semana, e deverá afectar as províncias de Inhambane, Gaza e Maputo.

Na sua travessia pelo Canal de Moçambique Irina já terá atingido a velocidade de 90 quilómetrospor hora. A previsão aponta para 130 km/hora quando atingir a terra e poderá provocar danos materiais incalculáveis.

Sérgio Buque, Chefe do Departamento de Análise e Previsão de Tempo, no Instituto Nacional de Meteorologia, diz que o ciclone vai ser caracterizado por chuvas intensas e ventos fortes.

Ao longo deste ano os ciclones mais severosaté então foram o “Dando” e “Funso”, que provocaram enormes prejuízos em pelo menos 5 províncias do país.

Vai ser a quinta tempestade tropical a fustigar Moçambique este ano. Segundo os meteorologistas esta sucessão de ciclones deve-se a alta temperatura a superfície das águas do mar e a predominância de nuvens frias e altas na região.

O ciclone Irina está a ser observado pela NASA através do Centro Espacial Goddard.

Rob Gutro é chefe adjunto de informação do Centro Goddard evoca diz que de acordo com as projecções da sua trajectória a cidade de Maputo encontra-se na linha de passagem desse vendaval.

Ouça a reportagem de Francisco Júnior e a entrevista de Rob Gutro com Joe De Capua nos segmentos sonoros desta página...

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG