Links de Acesso

Soldados das FAA morrem em Cabinda; MPLA afasta-se de Bento Bembe


Soldados das FAA morrem em Cabinda; MPLA afasta-se de Bento Bembe

Soldados das FAA morrem em Cabinda; MPLA afasta-se de Bento Bembe

FLEC-FLAC reivindica morte que 4 soldados angolanos; Luanda diz que foi um acidente de viação.

O governo de Angola pode estar a distanciar-se aos poucos da figura do secretário de Estado para os Direitos Humanos, Bento Bembe.

A instabilidade no Forum Cabindês para o Diálogo leva o governo a afastar Antonio Bento Bembe como o parceiro privilegiado na pacificaçao de Cabinda.

Antonio Bento Bembe terá perdido reputaçao no seio do governo, em Luanda, como figura de pacificaçao de Cabinda.

Informações que circulam em Cabinda indicam que o actual secretário de Estado para os Direitos Humanos terá sido afastado como membro acompanhante do secretariado do Conselho de Ministros para a provincia da Cabinda.

Para o afastamento Bento Nembe terão contribuído clivagens com o governo local, nomeadmente com Jose Anibal Rocha, envolvendo alegações de má governação e esbanjamento de fundos. Clique a barra abaixo para ouvir a crónica de José Manuel.

Entretanto, o Estado-Maior General das Forças Armadas Angolanas anunciava, em comunicado, a morte, em Cabinda, por acidente de viação, de quatro militares.

Na nota, divulgada em Luanda, o Estado-Maior General refere que o "acidente" ocorreu no período da manhã, envolvendo a viatura em que seguiam. O acidente, que provocou também alguns feridos, ocorreu nas proximidades do bairro Zito Novo, a 38 quilómetros do Dinge.

Mas o general Gabriel Nhemba "Pirilampo" comandante da ala militar da FLEC-FAC de Nzita Tiago, disse numa entrevista à VOA que se tratou de uma emboscada realizada pelas suas tropas. Clique na barra abaixo para ouvir "Pirilampo".

A VOA não pode verificar a veracidade das versões aqui apresentadas.

XS
SM
MD
LG