Links de Acesso

Angola: Não há subsídios para partidos acompanharem registo eleitoral

  • Faustino Diogo

Angola: Não há subsídios para partidos acompanharem registo eleitoral

Angola: Não há subsídios para partidos acompanharem registo eleitoral

Partidos queixam-se da falta de meios para acompanhar processo pré-eleitoral

O ministério da administração do território de Angola descartou qualquer responsabilidade no pagamento de subsídios aos partidos políticos para o acompanhamento do processo de actualização e registo eleitoral em curso no país.

Os partidos políticos queixam-se de falta de dinheiro e reclamam do governo uma verba para que os seus membros fiscalizam o processo.

Adão de Almeida vice ministro da administração do território para os assuntos eleitorais disse que não é obrigatório o pagamento de um subsídio aos fiscais dos partidos políticos que participam no processo.

“A lei em vigor é clara quando diz que às despesas resultantes do processo de fiscalização do registo eleitoral são da responsabilidade exclusiva de cada um dos partidos políticos," disse.

"Qualquer alteração a essa postura deve ser vista no quadro da alteração da legislação," acrescentou

XS
SM
MD
LG