Links de Acesso

Nampula - Mais de 50 mil hectares de terra arável arrendados a vietnamitas

  • Faizal Ibramugy

Floresta

Floresta

A terra destina-se a produção agrícola e exploração florestal

A província de Nampula vai concessionar em breve pouco mais de 50 mil hectares de terra arável a empresários vietnamitas da província de Binh Phuoc no âmbito de cooperação bilateral assinado entre Nampula no norte de Moçambique e aquela província em Janeiro de 2011.

A terra destina-se a produção agrícola, principalmente nas áreas de produção da cultura da mandioca, cajú e a exploração florestal. Para o efeito, encontra-se desde o início da tarde desta 5ª feira aqui em Cidade de Nampula, uma Delegação de Alto nível composto por onze pessoa e chefiado pelo Presidente do Comité Popular da província de Binh Phuoc na República Socialista de Vietnam.

A visita insere-se no quadro da implementação do acordo do reforço de encontros e cooperação entre as duas províncias e, visa estudar as potencialidades económicas de investimento nas diferentes áreas ligadas a agricultura.

Ainda nesta tarde, o grupo vietnamita foi recebido pelo Governador de Nampula, tendo na ocasião apresentado as potencialidades de que a província possui.

Para além das potencialidades no campo florestal, de produção das culturas de mandioca e caju que aquela província vietnamita está interessada em explorar, o governador Felismino Tocoli, apresentou potencialidades nas áreas de pecuária, recursos minerais, hídricos e do turismo.

O Presidente do Comité Popular da província de Binh Phuoc da República Socialista de Vietnam, Trouong Tan Thieu disse no final da apresentação do informe do executivo de Nampula, estar satisfeito com que viu nas imagens e ouviu do governante.

Porém não avançou datas, mas precisou dizer que o interesse da sua província é mesmo explorar os três campos nomeadamente a produção de caju, mandioca e exploração florestal.

O governador de Nampula, Felismino Tocoli disse que este acordo de cooperação é resultado da implementação do plano estratégico da província 2020 aprovado e lançado em 2010. Tocoli disse ser importante que o grupo começa a pensar agora a questão de envolvimento das comunidades locais no processo da produção, de forma a que estes tenham o acesso ao mercado

O grupo vietnamita que chegou hoje na cidade de Nampula, deverá permanecer durante 4 dias. Estão previstas visitas aos distritos de Mogovolas, Meconta, Ribauè, Nacala-porto e Ilha de Moçambique, distritos que futuramente poderão acolher investimentos de empresários da República Socialista de Vietnam.

XS
SM
MD
LG