Links de Acesso

Guiné-Bissau: Não haverá novo recenseamento eleitoral


Guiné-Bissau: Não haverá novo recenseamento eleitoral

Guiné-Bissau: Não haverá novo recenseamento eleitoral

A Comissão Nacional de Eleições da Guiné-Bissau descartou a possibilidade do novo recenseamento eleitoral, assim como a conclusão da nova cartografia eleitoral.

A Comissão Nacional de Eleições da Guiné-Bissau descartou a possibilidade do novo recenseamento eleitoral, assim como a conclusão da nova cartografia eleitoral:
“A conclusão da nova cartografia eleitoral, os preparativos para a realização do novo recenseamento biométrico, na perspectiva das eleições deste ano, que vinha monopolizando a nossa atenção, passaram para segundo plano, a fim de focalizarmos só nas eleições presidenciais antecipadas.”
Desejado Lima da Costa, presidente da CNE, que falava na cerimónia da tomada de posse dos presidentes das Comissões Eleitorais Regionais. Para o responsável máximo da estrutura que coordena o processo eleitoral na Guiné-Bissau, a CNE não é o único actor no terreno em presença:
“A CNE não é o único actor nacional eleitoral. O sucesso da nossa missão depende, em grande medida, da contribuição e colaboração dos nossos parceiros internos e externos. E queremos desde já aproveitar esta oportunidade para agradecer e realçar o apoio inicial das autoridades, através do Ministério das Finanças, que permite a CNE continuar a operar até estarem disponíveis os fundos imprescindíveis para a continuação do processo eleitoral."
Palavras do presidente da Comissão Nacional de Eleições, que ainda exortou a classe política guineense para que tenha em conta a relevância de se observar, desde já, um espírito de “fair-play” e de responsabilidade, como forma de contribuir para preservar a tranquilidade e a normalidade de todo o processo eleitoral. À sua equipa, Desejado Lima da Costa afirma ser fundamental manter a cadeia de comando, o sacrifício e a transparência por cima de quaisquer motivações de natureza doméstica e político partidário. Uma advertência clara aos recém-empossados presidentes das Comissões Eleitorais Regionais, contabilizados em nove, e mais três chefes de serviços.

XS
SM
MD
LG