Links de Acesso

Lubango: Funcionário municipal a contas com a justiça

  • Teodoro Albano

Serra da Leba, Lubango,Angola

Serra da Leba, Lubango,Angola

Acusado do crime de peculato previsto e punível na lei penal angolana, Gaudêncio Clemente, é indiciado de ter desviado dos cofres do estado quinze milhões de Kwanzas cerca de 150 mil dólares.

Mais um antigo funcionário da administração municipal do Lubango está a beira de conhecer a mão pesada da justiça.
Acusado do crime de peculato previsto e punível na lei penal angolana, Gaudêncio Clemente, é indiciado de ter desviado dos cofres do estado quinze milhões de Kwanzas cerca de 150 mil dólares.
Os desvios terão ocorrido em 2011 quando, Gaudêncio Clemente, nas vestes de chefe da Repartição de Estudos e Planeamento da Administração Municipal do Lubango, referem as alegações do Ministério Público, aproveitou-se do cargo para subtrair do erário público, valores destinados a reabilitação de infra-estruturas sociais na comuna do Hoque, arredores do Lubango.
Depois das audiências de julgamento, o Tribunal Provincial da Huíla aprazou para o próximo dia 2 de Fevereiro do corrente ano a leitura da sentença.
Para Gaudêncio Clemente o Ministério Público na voz da procuradora Djamila de Abreu, propõe uma moldura penal não inferior a doze anos de prisão efectiva;
“Que se condene o reú Gaudêncio Clemente no crime de peculato e ao cumprimento da pena não inferior a doze anos de prisão maior e no pagamento de uma justa indemnização ao estado no valor de quinze milhões de Kwanzas”.

XS
SM
MD
LG