Links de Acesso

Cabo Verde é terra de liberdade


Verdes são livres, azuis "não livres".

Verdes são livres, azuis "não livres".

Índices da liberdade económica e liberdade política publicados em Washington dão triunfo a Cabo Verde

Cabo Verde é o país africano de língua portuguesa mais livre enquanto Angola continua a estar no fundo da tabela. Isto de acordo com dois relatórios acabados de publicar aqui nos Estados Unidos por dois centros de estudo. A Heritage Foundation publicou o seu relatório sobre a liberdade económica enquanto a Freedom House divulgou o seu estudo sobre a liberdade política.
No seu estudo sobe a liberdade económica em redor do mundo a Heritage Foundation tomou em consideração a liberdade empresarial, comercial, fiscal, monetária e financeira, os direitos à propriedade, a corrupção e ainda a liberdade de investimentos e laboral.
Na globalidade é Hong kong comanda a lista de 179 países como o país de maior liberdade económica no mundo seguido de Singapura, Austrália, Nova Zelândia e Suíça. Os Estados Unidos aparecem em nono lugar.
Cabo Verde é o melhor país africano de língua portuguesa em sexagésimo quinto lugar. É também o segundo melhor país africano na totalidade. O Botswana é o único pais africano acima de Cabo Verde que está colocado acima da antiga potência colonial, Portugal.
Moçambique aparece em 109 lugar, São Tome e Príncipe em 150 lugar, Guine - Bissau no lugar 159 e Angola no lugar 161 da lista de 179 lugares.
Angola é aliás o único pais africano de expressão oficial portuguesa a caír de posição em relação ao ano passado no índice de liberdade económica da Heritage Foundation. A Guiné Bissau e Cabo Verde subiram mais de dois lugares.
Já a Freedom House no seu relatório anual sobre a liberdade em geral tomou em conta os direitos políticos e as liberdades cívicas para elaborar o seu índice, sendo um o ponto mais alto e sete o mais baixo. Os países estão classificados em “não livres”, “parcialmente livres” e “livres”.
Mais uma vez Cabo verde é o melhor país africano de língua oficial portuguesa obtendo a classificação máxima de um ponto nesses dois conceitos e ainda a designação extra de ser uma democracia eleitoral.
São Tomé é também considerado um país livre mas ao contrário de Cabo Verde tem dois pontos em ambos os aspectos.
Moçambique e Guine Bissau são considerados países parcialmente livres mas Moçambique está em melhor posição com 4 pontos na questão de direitos políticos e 3 na questão de liberdades cívicas enquanto a Guiné Bissau tem quatro pontos em ambas as questões.
Angola é mais uma vez o último sendo considerado pela Freedom House como um país “não livre” tendo seis pontos na questão de direitos políticos e cinco nãos direitos cívicos. Está na companhia de países como o Bahrein, o Brunei o Cambodja e a Rússia mas em melhor posição que países como o Turquemenistão e a Coreia do Norte.



XS
SM
MD
LG