Links de Acesso

Faltam salas de aula no Namibe

  • Armando Chicoca

City of Namibe, Angola

City of Namibe, Angola

No Namibe há muitos alunos e poucas vagas nas escolas do ensino médio. O MPLA e a UNITA são convergentes na identificação do problema mas teem posições diferentes para a solução.

12 Jan 2010 - A carência de salas de aulas para atender a demanda das instituições do ensino médio, desafia a classe política na província do Namibe. Os dirigentes da UNITA e do MPLA na província, dizem ter identificado o caso, mas estão longe de convergir na solução.

O secretário provincial do Namibe da UNITA, Faustino Mumbika, disse a Voz de América que o mal está nas políticas pouco claras de governação que se coloca a margem dos reais problemas identificados nas províncias. O novo secretário dos “maninhos” na província do Namibe deu como exemplo o actual orçamento atribuído a província do Namibe que considerou uma gota no oceano e sobretudo a fatia afecta ao sector da Educação.

O político apela no entanto, para o fim do exercício de governação de contingências e exige investimentos sérios para o sector de Educação, na província do Namibe com vista a suprir o défice que se regista. "O Orçamento Geral do Estado atribuído a província do Namibe, não responde a perspectiva de governação", referiu-se o dirigente da UNITA, no Namibe.

O MPLA, também não entrega os seus créditos em mãos alheias. O segundo secretário do partido dos “camaradas”, Carlos da Rocha Cruz ”Caito”, considera estar aos olhos de todos, eminentes constrangimentos no sector de Educação para o ano de 2011, sobretudo no que tange a procura de vagas na nona e décima classes do ensino médio.

A crise económica mundial criou-nos um problema serio que teremos de vencer nos próximos tempos, dos quais, nos últimos dois anos não foi possível erguer qualquer parede escolar. O político disse que há indicadores que apontam para uma solução rápida, tendo em conta que algumas obras escolares poderão ainda ser entregues no decurso dos primeiros meses do arranque das aulas, frisou. A situação é transitória, acrescentou .

Nos últimos dois anos, a Direcção Provincial do Namibe, com vista a garantir a continuidade dos estudos dos quadros e populares no interior da província, procedeu a extensão da escola de formação de professores do II Ciclo, em todos os Municípios e algumas comunas. Dada a qualidade que se pretende imprimir na formação de professores, a extensão ficou reduzida a três Municípios, Bibala, Tombwa e Namibe. Outros Municípios mantêm-se assegurados com a extensão do II Ciclo. A política de construção de habitações e entregues devidamente mobiladas aos professores no interior da província tem galvanizado jovens professores a empenharem-se no trabalho docente.

XS
SM
MD
LG