Links de Acesso

Após confrontos com "kalupetekas" situação regressa ao normal no Kwanza Sul

  • Fernando Caetano

José Julino Kalupeteka - Líder seita A Luz do Mundo - Angola

José Julino Kalupeteka - Líder seita A Luz do Mundo - Angola

Polícia desmente qualquer ligação da seita com partidos da oposição

A situação está a regressar à normalidade na região de Gonçalo no Dumbi, no Kwanza Sul, onde na semana passada se registaram confrontos entre a policia e seguidores da seita “Luz do Mundo”, de Julino Kalupeteka.

Dois agentes da polícia e três civis, entre os quais uma criança, morreram.

O inspector-chefe da polícia do Kwanza-Sul, Guilherme Balato, diz que a situação está controlada, mas o líder local da seita ainda se encontra em fuga.

“A situação está controlada (...) nesta área, onde se encontrava a seita religiosa, toda a população que estava sob cativeiro foi retirada”, disse aquele oficial.

“Todas as barreiras que impediam a movimentação da população foram retiradas”, acrescentou.

Balato desmentiu alegações de que partidos da oposição tinham incentivado os confrontos afirmando que “não existe correlação entre a actividade dessa seita e de seus líderes e os ditos partidos políticos de oposição”.

Ele explicou que embora possa haver da parte de partidos a “tendência” de tirar proveito político deste tipo de ocorrência, “nós não encontramos do ponto de vista prático, até agora, qualquer conexão entre os actos praticados por essa seita e os partidos políticos de oposição”.

A seita, cujo líder é José Julino Kalupeteka, tem fiéis em Cassongue, Cela, Kibala e Mussende, no Kwanza-Sul.

XS
SM
MD
LG