Links de Acesso

Vida continua em Israel, situação humanitária catastrófica na Faixa de Gaza

  • Alvaro Ludgero Andrade

Hamas não aceitou proposta de cessar-fogo do Egipto e, depois de uma pequena trégua, Israel retomou a ofensiva.

No Médio Oriente, depois do anúncio do cessar-fogo que durou algumas horas, Israel e Hamas voltaram a confrontar-se nesta terça-feira, 15, adiando, por agora, uma trégua que começa a ser pedida tanto por Israel e pelo Hamas, mas com as suas próprias condições, como pela comunidade internacional.

A jornalista radicada em Kfar Safa, Rachely Rachewsky Scapa disse que a meio da tarde de hoje o exército israelita recomeçou os ataques que já provocaram, segundo o Hamas, cerca de 185 mortos, na maioria civis.

Na conversa com a VOA enquanto estava a caminho de casa, a jornalista afirmou que a vida em Israel continua normalmente apesar da permanente correria para os refúgios quando toca o alarme de que há um rocket do Hamas a caminho.

Questionada sobre como a população árabe reage aos ataques de Israel contra a Faixa de Gaza, Rachely Rachewsky Scapa disse que no início houve muitos protestos contra a ofensiva.

Do lado da Faixa de Gaza, a situação humanitária é catastrófica.

As instalações das Nações Unidas encontram-se apinhadas de famílias que procuram refúgio.

No norte de Gaza, a população fugiu à procura de segurança na região sul.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG