Links de Acesso

Antigos combatentes dizem-se esquecidos em Nampula


 Nampula

Nampula

Governador promete resolver os problemas.

Em Nampula, os desmobilizados de guerra ameaçam tomar medidas radicais contra o atraso no pagamento das suas pensões. Há acusações de corrupção na direcção provincial de finanças em Nampula, mas o Governador de Nampula Vitor Borges prometeu investigar e regularizar a situação.

Em Nampula existem cerca de 16 mil antigos combatentes. Deste numero menos da metade passou a receber as suas pensões me muitos vêm atrasado o pagamento.

Esta situação arrasta-se há muito tempo e alguns antigos combatentes ameaçaram realizar uma greve, o que nunc aconteceu.

Depois de muita troca de informações, os antigos combatentes reuniram-se com o Governador de Nampula Victor Borges.

O grupo queixou-se de descriminação e de falta de consideração parte das autoridades e, além das pensões, na valor de 600 meticais, lembraram outros direitos prometidos que nunca receberam como bolsas de estudo para os filhos, assistência médica e medicamentosa e falta de financiamento para moradias.

Victor Borges, governador de Nampula, ouviu durante uma hora e meia as preocupações dos desmobilizados de guerra e, sem avançar prazos, garantiu que vai inteirar-se da situação junto das direcções provinciais das finanças e dos combatentes .

De referir que entrou em função recentemente, a assembleia-geral do Fundo da Paz e Reconciliação Nacional, órgão que vai gerir os 10 milhões de dólares norte americanos alocados pelo Governo, destinados à reintegração social dos desmobilizados de guerra.

XS
SM
MD
LG