Links de Acesso

R D Congo quer petróleo da plataforma continental reivindicada por Angola

  • Arão Ndipa

As autoridades da República Democrática do Congo julgam-se materialmente prejudicadas, o que motivou algumas movimentações diplomáticas junto das Nações Unidas

A República Democrática do Congo deseja alargar a plataforma continental onde existe petróleo, no que é agora considerado território Angolano, e a ser explorado por Angolanos.

Alguns círculos políticos da República Democrática do Congo não se mostram optimistas relativamente a uma solução próxima do litígio que envolve o país vizinho contra a República de Angola no plano da exploração do petróleo nas suas águas marítimas.


A disputa da fronteira marítima entre Angola e a República Democrática do Congo, que remonta de há vários anos baseia-se na falta de entendimento sobre a delimitação da fronteira marítima comum e a repartição de benefícios resultantes da exploração do petróleo registada na zona de interesse comum.

As autoridades da República Democrática do Congo julgam-se materialmente prejudicadas, o que motivou algumas movimentações diplomáticas junto das Nações Unidas.

Especialistas em assuntos internacionais, em Luanda, consideram que a solução do suposto litígio, deve ser sustentada nos instrumentos ligados ao direito do mar e outra legislação prevista no direito internacional, como a partir do diálogo bilateral.

Para nos falar do assunto o repórter Arão Ndipa falou com os analistas Elias Chinguli e Bernardino Neto.
XS
SM
MD
LG