Links de Acesso

Angola: Quando não há dinheiro há a "sócia"

  • Manuel José

Angolanos juntam dinheiro para comprar produtos básicos

Face às dificuldades económicas e crescente inflação os angolanos estão a juntar forças para tornarem possível a compra de certos produtos de primeira necessidade.

É uma prática que se generalizou em estabelecimentos comerciais sobretudo nos armazéns e se aplica para compra principalmente de produtos alimentares básicos como arroz, açúcar, frescos, trigo, massa alimentar entre outros.

O ''fenómeno'' segundo os nossos interlocutores pode ocorrer entre duas, três, quatro ou mais famílias e é conhecido pelo nome de “sócia”.

''Os preços estão muito altos com a crise do país e só com ''sócia'' se pode comprar algo”, disse uma cidadã à Voz da América.

O sociólogo Rafael Aguiar definiu a “sócia” como uma parte de “estratégias de sobrevivência em fase da carência ou perda do poder de compra e evita que o cidadão enverede para comportamentos desviantes''

XS
SM
MD
LG