Links de Acesso

Suspeito caso de pólio detectado em Malanje

  • Isaías Soares

Autoridades investigam. Perito da OMS diz que Angola é agora considerado um país " livre de pólio"

Um caso suspeito de poliomielite foi notificado esta quinta-feira, no município de Cacuso, a 72 quilómetros a oeste da capital Malanje.




Arciolanda Macama disse que as autoridades tinham sido alertadas para o caso pelo soba local mas que ainda é cedo para se afirmar que é um caso de poliomielite.

Angola WHO worker social scientist Arciolanda Mucama

Angola WHO worker social scientist Arciolanda Mucama

Um quadro tinha sido enviado á zona “para registar o caso, colher uma amostra para podermos enviar ao laboratório onde será testado para termos a certeza se a paralisia registada foi causada pelo vírus da polio”.

“Esperemos que não seja essa o caso,” acrescentou.

O anúncio do suspeito caso de polio a curta distância da cidade de Malanje dá-se numa altura em que jornalistas e supervisores provinciais da promoção de saúde discutem em seminário inter-provincial as modalidades de erradicação da doença e participação da comunidade.

Jorge Mariscal, o responsável da Organização Mundial de Saúde em Angola disse que Angola tinha sido “anteriormente considerado como um país de transmissão “ de polio mas que isso tinha mudado e que Angola é actualmente “considerado um país livre da pólio”.

Jorge Mariscal director da OMS em Angola

Jorge Mariscal director da OMS em Angola

“isso não quer dizer que as actividades de vigilância e as actividades de vacinação devam ser reduzidas,” disse.

“Temos que melhorar a qualidade do nosso trabalho,” acrescentou
XS
SM
MD
LG