Links de Acesso

Angola: Observação deficiente preocupa intervenientes nas eleições

  • Manuel José

Protesto recente junto à Comissão Provincial Eleitoral do Namibe (VOA/Armando Chicoca)

Protesto recente junto à Comissão Provincial Eleitoral do Namibe (VOA/Armando Chicoca)

A questão da observação das eleições ainda requer cuidados dizem intervenientes directos e indirectos do processo, entre as quais varias organizações não-governamentais angolanas.

A questão da observação das eleições ainda requer cuidados dizem intervenientes directos e indirectos do processo, entre as quais varias organizações não-governamentais angolanas.

A Coligação para a Observação Eleitoral, COE, por exemplo, diz que a maioria dos seus observadores nem sequer está credenciada.

Renato Raimundo, porta-voz do COE disse ter encontrado muitos obstáculos no processo de credenciamento dos delegados de lista dos partidos políticos.

Outra organização envolvida no processo é o Observatório Eleitoral Angolano (OBEA). Luis Jimbo o seu coordenador garante que enviam 1500 observadores para todo pais.

“Todo país é só uma maneira de dizer, existem algumas regiões inacessíveis, em que o OBEA não tem como lá chegar.”

Do estrangeiro também chegaram vários observadores. Paticle Holomisa é o coordenador dos observadores da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) que começaram o seu trabalho vários dias antes das eleições e que já constatou irregularidades.

Por exemplo sobre o problema com os cadernos eleitorais, o observador sul-africano diz ter recebido queixas de que muitos nomes de eleitores não constam dos cadernos eleitorais.

Paticle Holomisa diz que o grupo da SADC só vai ter observadores em 4 das 18 províncias de Angola.

Os partidos políticos concorrentes também se queixaram. A FNLA, segundo Fernando Pedro Gomes, considera ser preocupante que os observadores fiquem apenas pelas zonas urbanas.

Já a UNITA, segundo o seu mandatário nacional, José Catchiungo, crê que se as eleições pudessem ser adiadas, para se corrigir as falhas registadas durante todo o processo, seria bom para a democracia.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG