Links de Acesso

Angola: Barragem de Capanda já funciona a 100%

  • Isaías Soares

A barragem hidroeléctrica de Capanda foi projectada para regular o caudal do rio Kwanza.

A barragem hidroeléctrica de Capanda, localizada no município angolano de Cacuso, província de Malanje, voltou a produzir energia eléctrica de acordo com toda capacidade instalada.


A escassez de precipitações desde meados de 2012 e nos primeiros meses deste ano provocaram um abaixamento dos níveis de água no reservatório para movimentar os quatros geradores.

O chefe a área de exploração da central hidroeléctrica de Capanda, Alfredo Imperial, confirmou que a dificuldade foi ultrapassada e a produção de energia está a 100 por cento.

“Nós temos o plano de carga que o centro de coordenação do sistema faz a programação e está em 448 mega watts, a capacidade instalada de Capanda são 520 mega watts porém a quantidade que temos e o nível da albufeira que temos garantem os 520 mega watts ou seja, a quantidade de água que temos a 93 por cento já garante a produção no seu máximo da central ou da capacidade instalada na central”, confirmou, referindo que é um dado programado para controlar o sistema.

A barragem hidroeléctrica de Capanda foi projectada para regular o caudal do rio Kwanza a jusante.

A província de Luanda e as cidade de Ndalatando, Lucala, Uíge, Cacuso e Malanje beneficiam de nove mil mega watts de energia gerada diariamente pela barragem hidroeléctrica de Capanda, com uma média de 65 por cento interligada ao sistema regional.

O fornecimento de energia eléctrica a cidade de Malanje continua a ser deficitário, porquanto todos os dias se registam restrições na maioria dos bairros periféricos, o que provoca a deterioração de enormes quantidades de produtos perecíveis e a destruição de vários electrodomésticos.

Em algumas escolas do centro da urbe e bairros periféricos o curso lectivo fica amputado no período nocturno por défice dos referidos produtos.
XS
SM
MD
LG