Links de Acesso

Centenas de casas demolidas nos arredores de Luanda

  • Coque Mukuta

Anteriores demolições em Viana

Anteriores demolições em Viana

Forças de segurança acusadas de roubarem milhares de dólares. Residentes pedem para que o caso seja levado ao parlamento

Mais de 300 casas foram destruídas, no último Sábado, na zona do Zango, Província de Luanda.

Os habitantes das zonas clamam por justiça e apelam aos parlamentares para levarem o caso á Assembleia Nacional.

Entretanto, as Forças Armadas Angolanas, Polícia Militar, Fiscalização de Luanda e a Investigação Criminal, que participaram na operação de destruição, são acusadas de terem furtado cerca de 30 milhões de Kwanzas, na sede do Fundo de Organização de Bens e Imóveis (Fobes).

Tal valor corresponde a 150 mil dólares norte americanos,

Isabel dos Santos, responsável do Fobes, disse que já constroi aquelas residência desde 2013, e a sua empresa nunca tinha sido notificada sobre a existência de um provável dono dos terrenos.

Ela disse que as forças de segurança apareceram no local para a destruição das casas às duas horas da manhã sem que fossem dadas quaisquer explicações.

O correspendente da VOA tentou contactar o pessoal de apoio do Tenente-General Simão Carlitos Wala, que esteve alegadamente à frente da operação, mas não obteve qualquer resposta.

XS
SM
MD
LG