Links de Acesso

Angola suspende IURD - Igreja Universal do Reino de Deus

  • Redacção VOA

Organização religiosa será alvo de procedimentos criminais, devido aos incidentes da noite de passagem de ano

As autoridades angolanas suspenderam as actividades da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) e interditaram os cultos e demais actividades de outras seis igrejas evangélicas, não legalizadas.

A suspensão das actividades da IURD é uma das conclusões da Comissão de Inquérito nomeada pelo Presidente José Eduardo dos Santos, na sequência da morte de 16 pessoas, por asfixia e esmagamento, no passado dia 31 de Dezembro, na capital angolana.

O culto, denominado "Vigília do Dia do Fim", concentrou dezenas de milhares de pessoas que ultrapassaram, em muito, a lotação autorizada do Estádio da Cidadela.

No comunicado anuncia-se ainda que a Procuradoria-Geral da República vai aprofundar as investigações e a consequente responsabilização civil e criminal dos responsáveis pelos incidentes.

O comunicado do governo acusa a IURD de ter disponibilizado, apenas 100 pessoas, sem preparação devida, para dar assistência aos mais de 150 mil que acorreram a uma vigilia, no estadio da Cidadela, que apenas tem caoacidade para 30 mil.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG