Links de Acesso

Não há aumento de crime na Huíla, diz sub-procurador

  • Teodoro Albano

Percepção falsa deve-se ao elevado numero de processos devido ao tamanho da província, justifica.

A ideia de que o índice de criminalidade na província é alto é falsa, disse, no Lubango, o sub-procurador provincial da república, Hernâni Beira Grande.

De acordo com Grande, existe um elevado movimento processual, que decorre da dimensão territorial da província com 14 municípios.

Grande fez a afirmação após apresentar quatro magistrados para trabalhar na província da Huíla, reforçando as áreas de família, trabalho e investigação criminal.

Além do Lubango, Matala e Caconda são os municípios que contam com magistrados residentes.

Grande disse que as autoridades irão logo que possível colocar magistrados noutras zonas.

XS
SM
MD
LG