Links de Acesso

Crimes violentos são cometidos por familiares e amigos, diz comandante da polícia da Huíla


Autoridades pedem maior aproximação entre a polícia e população.

Por Francisco Camati

Na Huíla, a maior parte de homícidios, ofensas corporais e violações sexuais são cometidos por familiares e amigos das vítimas, disse o comandante provincial da polícia, Arnaldo Carlos.

“As pessoas estão num restaurante, no seio familiar, desentendem-se e vão para agressões, que geralmente resultam em morte," disse Carlos.

Carlos explicou que, apesar da insegurança vivida na província, a criminalidade reduziu, no primeiro trimestre deste ano.

No mesmo período, em 2015, foram registados mensalmente, em média,15 casos de homícidios, ofensas corporais e violações sexuais, contra oito este ano.

Face à situação, as autoridades recomendaram, recentemente, maior aproximação entre a polícia e a população.

Carlos alertou igualmente sobre a sinistralidade rodoviária, que resulta, entre outros, do facto de que os condutores "não observam os tempos de repouso".

XS
SM
MD
LG