Links de Acesso

Angola: Fruta da Humpata sem escoamento

  • Teodoro Albano

O produtor de frutas, Eduardo Javela, defende mais atenção ao sector num país muito dependente de importações.

Produtores de frutas no município da Humpata no sudoeste da província da Huíla queixam-se da incapacidade de escoamento da sua produção para o mercado e desejam uma alteração na situação.

Para os agricultores da região forte na produção de frutas, com particular realce para a maçã e a pera, a inoperância das câmaras de conservação e da fábrica de transformação ali instaladas adicionado às dificuldades de transporte tornam o negócio pouco rentável.

O produtor de frutas, Eduardo Javela, defende mais atenção ao sector num país muito dependente de importações.

“O problema dos fruticultores da Humpata é que todos os anos a fruta continua a estragar-se”, disse.

Para ele, o Estado e os "empresários nacionais que podem acudir a nossa situação”.

O soba da região, Agostinho Tchiputo, disse que com as dificuldades de escoamento da fruta, os camponeses vêm a sua produção completamente desvalorizada no mercado.

“Os camponeses não têm um lugar onde eles possam vender (as frutas) num preço oficial, só desenrascam na praça", disse.

Para a ADRA (Acção para o Desenvolvimento Rural e Ambiente). a região da Humpata é a única do país com potencial na produção de fruta, por isso devia justificar outros investimentos.

Para o director da organização, Simione Chiculo, o país pode tirar melhor proveito da fruta ali produzida.

“ Apelamos a que se faça um investimento neste município no que tange à construção de infraestruturas de conservação e se não mesmo até de transformação dessas frutas”, disse.

XS
SM
MD
LG