Links de Acesso

Aumenta tráfico de drogas "pesadas" em Angola

  • Redacção VOA

Cocaína (foto de arquivo)

Cocaína (foto de arquivo)

Autoridades dizem existir redes de traficantes

A polícia angolana apreendeu no primeiro semestre deste ano 60 Kilos de cocaína provenientes do Brasil, no Aeroporto Internacional de Luanda, e deteve 12 pessoas, anunciaram as autoridades.

O tráfico de drogas “pesadas” é agora algo que ocorre um pouco por todo país com as autoridades a tentar estrangular as rotas e redes de contrabandistas.

Na Huíla, por exemplo, o director-adjunto do serviço de investigação criminal, Abel Wayaha, disse que polícia domina as rotas de circulação da droga pesada no país e na região.

“Esta droga tem vias ou rotas por nós sobejamente identificadas”, disse Wayaha, que explicou que grande parte entra através do Aeroporto Internacional de Luanda.

A questão foi reiterada pela procuradora junto do serviço de investigação criminal, Mafalda Joaquim, para quem existem grupos organizados de tráfico.

“Podemos dizer que existem grupos formados”, disse.

Números divulgados pelos serviços de investigação criminal dizem que entre Junho de 2015 até ao presente foram apreendidos 104 gramas de cocaína e 24 de crack na Huíla.

No mesmo período, segundo a polícia foram destruídos oito hectares de plantação de cannabis nos municípios de Humpata e Chibia.

XS
SM
MD
LG