Links de Acesso

Instalações da CASA-CE assaltadas e vandalizadas no Kwanza-Sul


Delegação em Porto-Amboím foi assaltada e pilhada. Na Gabela, militantes identificados pela CASA-CE como sendo da UNITA, destruíram material de propaganda do partido.

A sede da CASA-CE em Porto-Amboím foi assaltada e pilhada enquanto na Gabela militantes identificados pelo secretário provincial da CASA-CE como sendo da UNITA destruíram material de propaganda do partido de Abel Chivukuvuku.



Os ataques dão-se quando o líder da CAS-CE se prepara para visitar o Kwanza- Sul num périplo aos municípios de Porto-Amboim, Amboim, Conda e Seles.

Domingos Francisco Sobral secretário da CASA-CE disse que no ataque em Porto- Amboím os atcantes “levaram todo material informático, levaram aparelhos de son, levaram todo material de propaganda que estava dentro da sede”.

Sobral disse não ter dúvidas tratar-se de um acto premeditado. A polícia foi informada do ataque.

O secretário da CASA-CE disse terem-se registado recentemente incidentes envolvendo a colagem de panfletos entre militantes da CASA-CE e da UNITA.

Segundo Francisco Sobral militantes da UNITA acusaram a CASA-CE de destruir o seu material de propaganda o que Sobral negou.

“Hoje acordamos e de manhã encontramos o nosso material todo destruído na cidade da Gabela,” disse acrescentando que só militantes da UNITA poderiam ser responsáveis pelo acontecido.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG