Links de Acesso

Angola: PDN à conquista de lugares no Parlamento

  • Teodoro Albano

View of the city of Lubango, capital of the province of Huila, Angola

View of the city of Lubango, capital of the province of Huila, Angola

Quando faltam poucos meses para as novas eleições o PDN joga na antecipação

Aspirações partidárias

O Partido Democrático Nacional, PDN, está a trabalhar para chegar ao Parlamento nas eleições previstas para o ano de 2012.

Fundado em 1996, aquela formação partidária extraparlamentar garante estar a lançar as bases para ressurgir mais forte no cenário político angolano naquele que será o maior desafio político de 2012.

O vice-presidente do Partido Democrático Nacional, António Domingos Nguvulu, não esconde a ambição de atingir o poder em 2012, mas revela a chegada ao parlamento como o objectivo mínimo imediato:“É o sonho de qualquer formação política, mas a prioridade é assumir o poder, porque se a gente chega ao parlamento com dois deputados não chegamos ao poder, mas se o povo angolano dar-nos esta oportunidad,caso não coloquemos um elevado número deputados na Assembleia Nacional para podermos provocar o equilíbrio no Parlamento”.

António Nguvulu faz uma análise crítica da situação política e social do país,alertando para o estado de pobreza a que muitos angolanos se encontram,responsabilizando as más políticas do executivo e apontando as manifestações recentemente ocorridas e ainda a permanente ameaça de novas demonstrações, como facto revelador do estado social do país. Diz Nguvulu:“Nós vivemos uma série de dificuldades, nós somos um país muito rico em recursos hídricos e hoje temos cidades afins sem água para todos,embora exista um programa dessa natureza que é dar água para todos.Nós temos várias barragens hidroeléctricas e temos um país sem energia para todos.Nós temos um país com ligações por terra e as estradas nem todas estão em óptimas condições”.

O Partido Democrático Nacional viu-se impedido, pelo Tribunal Constitucional, de participar nas eleições de 2008 por lhe ter sido detectadas irregularidades na recolha de assinaturas.Quando faltam poucos meses de novas eleições o PDN joga na antecipação e agora quer fazer diferente.

XS
SM
MD
LG