Links de Acesso

Ângela Sá quer afastar os jovens da Ilha de Luanda do crime e da violência


A líder cívica angolana esteve na Universidade de Geórgia

Após seis semanas inseridos num programa intensivo para enriquecimentos das suas competências, os participantes do Young African Leaders Iniciative, na sigla YALI, estão reunidos na capital americana para uma cimeira de 3 dias, que teve início nesta Segunda-feira 3 de Agosto, com uma sessão de perguntas e respostas com o Presidente Barack Obama.

Hoje, os 500 jovens africanos têm sessões privadas de ignite talk, em que cada grupo apresenta e defende um tema em cinco minutos, nas áreas de Educação para todos, Contexto e Oportunidade, Igualdade e Ética.

Nesta Terça-feira, 4, os participantes YALI vão também ter a oportunidade de estar em contacto com todos os parceiros e doadores que tornam possível a iniciativa criada por Barack Obama, na YALI Expo, onde vão estar igualmente entidades americanas interessadas em estabelecer parcerias com África.

Entretanto falámos com Ângela Sá, umas das sete participantes vindas de Angola, sobre as suas impressões quanto ao programa YALI.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG