Links de Acesso

Alemanha não quer cooperar com Bashar Al-Assad na luta contra o grupo Estado Islâmico


Ministra Ursula von der Leyen em conversa com militares, Base de Hohn, Alemanha

Ministra Ursula von der Leyen em conversa com militares, Base de Hohn, Alemanha

A Alemanha descarta qualquer cooperação entre as suas forças que irão participar da campanha militar contra o grupo Estado Islâmico na Síria e o presidente sírio, Bashar Al-Assad.

A ministra alemã da defesa, Ursula Von Der Leyen, anunciou a posição, hoje, numa altura em que governo procura aprovação para o envio de caças, aviões de reabastecimento, uma fragata e pelo menos 1.200 militares à região.

Ursula disse à rádio alemã ARD que "precisamos de evitar o colapso do Estado da Síria".

Segundo a Reuters, ela acrescentou que erros cometidos no Iraque, quando grupos que eram leais a Saddam Hussein foram excluídos de participar do sistema político após a derrota do líder, não deveriam ser repetidos.

XS
SM
MD
LG