Links de Acesso

África do Sul: Gordhan diz que Zuma usou um argumento “absolutamente absurdo” para a sua demissão

  • VOA Português

Pravin Gordhan

Zuma demitiu Gordhan e nomeou Malusi Gicaba. A decisão é contestada.

O ex-ministro das Finanças da África do Sul, Pravin Gordhan, disse, hoje, que o relatório dos serviços de inteligência que o presidente Jacob Zuma usou como justificativa para demiti-lo é "absolutamente absurdo”.

Gordhan disse numa conferência de imprensa, na capital Pretória, que sente-se incomodado por alegações de que ele organizou reuniões secretas contra o governo.

Malusi Gigaba
Malusi Gigaba

Ontem, Zuma demitiu Gordhan do posto e nomeou Malusi Gicaba, que era ministro do interior.

A saída de Gordhan é questionada em muitos círculos e analistas dizem que o Congresso Nacional Africano, no poder, está dividido.

O vice-presidente Cyril Ramaphosa disse à Reuters que infornou ao presidente Zuma que não concordadva com a demissão de Gordhan.

Malusi, 46 anos, é o ministro mais novo da África do Sul.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG