Links de Acesso

Afeganistão: Bombardeamento aéreo mata 19 pessoas em hospital em Kunduz

  • Redacção VOA

Forças do exército afegão a caminho de Kunduz

Forças do exército afegão a caminho de Kunduz

Entidades militares americanas reconheceram que bombardeamentos esta madrugada podem ter causado danos ao hospital dos "Médicos Sem Fronteiras"

Um bombardeamento aéreo no norte do Afeganistão causou a morte de 19pessoas num hospital gerido pela organização “ Médicos Sem Fronteiras”.

12 elementos da organização incluindo 3 crianças morreram no hospital situado em Kunduz na sequência de prolongado bombardeamento que segundo a “Médicos Sem Fronteiras” se prolongou por 30 minutos depois de entidades militares americanas e afegãs terem sido informadas em Washington e Kabul.

Entidades militares americanas reconheceram que bombardeamentos esta madrugada naquela zona podem ter causado danos ao hospital e que o incidente se encontrava sob investigação.

Tropas afegãs apoiadas por bombardeamentos aéreos americanos têm estado envolvidas em intensos confrontos em Kunduz com militantes talibãs que tomaram a cidade no inicio da semana.

Segundo o governo afegão já morreram 60 pessoas e outras 466 ficaram feridas nos combates para tentar reconquistar a cidade.

XS
SM
MD
LG