Links de Acesso

Afeganistão: 31 "Seals" morrem em queda de helicóptero


Afeganistão: 31 "Seals" morrem em queda de helicóptero

Afeganistão: 31 "Seals" morrem em queda de helicóptero

Os talibãs reivindicaram ter abatido o helicóptero

O presidente Hamid Karzai, do Afeganistão, anunciou que morreram, num desastre de helicóptero, 31 elementos dos “Seals”, forças especiais de combate americanas.

Fontes oficiais adiantam que o helicópetero se despenhou na Província de Wardak, sendo esta a maior perda de vidas num só incidente entre as forças internacionais estacionadas no Afeganistão em quase dez anos.

A coligação internacional confirmou o acidente, mas não forneceu detalhes sobre a possível causa que terá levado ao despenhamento do helicóptero, admitindo, embora, a existência de “actividade inimiga” naquela área.

Os talibãs reivindicaram ter abatido o helicóptero, quando este se aproximava de uma casa onde estavam reunidos elementos rebeldes. Os talibãs admitem ter perdido oito homens em resultado do ataque lançado a partir do helicóptero.

Testemunhas oculares referem que se encontravam na área vários helicópteros envolvidos num ataque. O “Chinook”, com os “Seals” a bordo ter-se-á despenhado quando tentava levantar voo.

XS
SM
MD
LG