Links de Acesso

Advogados do grupo dos 15 preparam defesa

  • Redacção VOA

Activistas angolanos

Activistas angolanos

Tribunal Provincial de Luanda notifica advogados das acusações contra os activistas.

Os advogados da defesa dos jovens activistas do autodenominado Movimento Revolucionário foram notificados nesta quinta-feira, pelo Tribunal Provincial de Luanda, que os seus constituintes foram indiciados pelo crime de atentado contra o Presidente da República, o Governo de Angola e de actos preparatórios de rebelião.

O advogado Luiz de Nascimento disse que a sua equipa já reagiu no sentido da soltura imediata dos acusados por excesso de prisão preventiva.

No mesmo processo respondem também as jovens Rosa Conde e Laurinda Gouveia, que aguardam o julgamento em liberdade.

O advogado Zola Bambi, da associação Mãos Livres,revelou que a sua equipa também vai recorrer da acusação pelos mesmos motivos.

Os jovens activistas encontra-se presos desde Junho passado e muito recentemente o Tribunal Supremo negou o pedido de habeas corpus exigido pela defesa.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG